Preparação

  1. Lavar e cortar as batatas aos cubos. Fritar mas sem deixar ganhar cor.
  2. Num tacho colocar água e levar ao lume. Quando ferver, colocar o bacalhau, tapar e retirar do lume. Tirar as peles, espinhas e desfiar.
  3. Numa frigideira colocar um pouco de margarina, um fio de azeite e uma cebola grande cortada às rodelas e deixar alourar. Quando estiver pronta retirar do lume.
  4. Para o molho* (ver o molho béchamel): numa caçarola colocar 2 colheres de sopa cheias de margarina. Depois de derretida adicionar imediatamente 2 colheres de sopa de farinha e mexer com uma vara de arames. Deixar cozinhar um pouco para cozer.
  5. Juntar o leite e continuar a mexer (nesta altura coloco a varinha mágica para triturar bem o molho e vejo se é necessário acrescentar mais leite, depende da espessura).
  6. Ao preparado juntar um pacote de natas (200ml) e mexer mantendo em lume brando.
  7. Retirar do fogão e acrescentar ½ sumo de limão, ½ colher de sopa de mostarda Dijon, sal e pimenta (eu provo e vou temperando a gosto).
  8. Para a montagem: num tabuleiro colocar as batatas, a cebola, o bacalhau e o molho. Envolver bem e polvilhar com queijo ralado e levar ao forno quente a gratinar.

Discover more from Livro de Culinária

Subscribe to get the latest posts to your email.